ACOMPANHE-NOS    
JANEIRO, SÁBADO  22    CAMPO GRANDE 31º

Capital

Vendaval derruba árvores e arranca toldos e tapumes no Centro

Quem andava pela rua precisou procurar abrigo para fugir do vendável de areia

Por Geisy Garnes | 15/10/2021 16:04
Árvore arrancada com a força do vento da Rua da Paz (Foto: Geisy Garnes)
Árvore arrancada com a força do vento da Rua da Paz (Foto: Geisy Garnes)

A força do vento que acompanhou a tempestade de areia na tarde desta sexta-feira (15) causou estragos por toda a cidade. No centro de Campo Grande, árvores foram ao chão, toldos e tapumes foram arrancados. Quem andava pela rua precisou procurar abrigo para fugir do vendaval de terra.

Em poucos minutos o sol que brilhava no céu da Capital deu espaço a nuvem de areia e ao vento. Na região da Rua Ceará o vendável arrastou telhas e obrigou quem esperava ônibus na via a procurar abrigo. Em um dos pontos os pedestres chegaram a subir no banco para se proteger.

Funcionários amarraram a estrutura para que a placa não fosse levada (Foto: Geisy Garnes)
Funcionários amarraram a estrutura para que a placa não fosse levada (Foto: Geisy Garnes)
Toldo do restaurante foi arrancado com o vento (Foto: Geisy Garnes)
Toldo do restaurante foi arrancado com o vento (Foto: Geisy Garnes)

No Ariche Restaurante Árabe, o toldo que cobria a área externa do estabelecimento foi arrancado.

Ao lado, no Metta Agrocenter, uma placa de metal também foi levada pelo vento. Funcionários precisaram amarrar a estrutura para evitar que a estrutura fosse completamente arrancada. Na Rua da Paz, a poucos passos do estabelecimento, uma árvore caiu e por pouco não atingiu carros estacionados. Parte da via ficou bloqueada.

Na mesma rua, no cruzamento com a Rua Alagoas, o vento forte assustou a equipe que trabalhava na construção de um edifício. Os tapumes que cercavam a obra foram derrubados. “O vento veio do nada. Todo o prédio é cercado por uma tela de proteção e graças a ela tudo o pessoal ficou seguro. Segurou tudo que podia”, explicou o responsável pela obra Fernando Shinmi.

Leitores também registraram a força do vento na Avenida Mato Grosso.  Segundo o meteorologista da Uniderp, Natalio Abraão, o vento chegou a 94 km/h em Campo Grande.


Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário